Legado Puritano
Quando a Piedade Tinha o Poder
Textos
Tributo a Filipe


 
Tão jovem,
tão santo e tão amado!
Filipe, tão sofrido,
por dores esmagado.
Mas sempre alegre,
sempre firme na fé,
sempre andando na luz.
 
Grande foi seu amor por Jesus,
carregando a sua cruz,
vivendo para o seu Senhor,
e nada para o seu ego,
achou graças e louvor,
aos olhos do Salvador.
 
Tornou-se tão destacado,
que deste mundo,
que dele era indigno,
foi por Deus arrebatado.
 
Curado de modo definitivo,
de suas dores e sofrimentos,
aliviado e consolado,
coroado de honra,
pelo Deus bendito,
se encontra desde agora,
e para todo o sempre,
ao lado dos santos glorificados.
 
 
 
Silvio Dutra
Enviado por Silvio Dutra em 04/01/2013
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras